O Colégio Estadual Barão de Mauá foi o primeiro a receber a visita do Projeto Cidadão do Futuro, da Justiça do Trabalho de Sergipe. Alunos do ensino médio da escola pública, localizada no conjunto Orlando Dantas, conheceram na tarde de hoje (19/04) os objetivos do projeto. "Vamos explicar a vocês o funcionamento e a importância do Tribunal Regional do Trabalho de Sergipe", disse a desembargadora Maria das Graças Monteiro Melo, vice-presidente do Tribunal, na abertura do encontro com os alunos.

A equipe de coordenação do projeto foi recebida pela diretora do Barão de Mauá, Maria Ruzavânia da Cruz Araújo. Nesse primeiro encontro com a instituição de ensino, foi apresentada aos estudantes a Cartilha do Trabalhador, produzida pela Anamatra - Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho. Cada aluno recebeu um exemplar das mãos do juiz do Trabalho Luiz Manoel Andrade Meneses. "Numa linguagem simples e atrativa essa cartilha será para vocês um instrumento de informação e conscientização sobre os direitos básicos dos trabalhadores', explicou Luiz Manoel.

A distribuição da cartilha faz parte das várias atividades que serão desenvolvidas no projeto. Estão previstas ainda a realização de palestras educativas, campanhas de arrecadação de livros didáticos e visitas ao Tribunal, ao Fórum Dantas do Prado e as seis Varas do Trabalho lá instaladas. "Queremos despertar a consciência crítica nos estudantes das escolas públicas estaduais e municipais. Lembrá-los que são capazes. Podem alcançar uma carreira jurídica ou qualquer outra, basta que estudem e tenham força de vontade', explicou a coordenadora do projeto, Gilvânia Oliveira de Rezende.

No dia 9 de maio os estudantes do Colégio Estadual Barão de Mauá irão acompanhar uma sessão realizada na sede do TRT. Os alunos  conhecerão outras instalações do Tribunal e saberão a atuação de desembargadores e servidores para o bom andamento da Justiça do Trabalho. "Considero esse projeto da maior importância. Nossos alunos, que muitas vezes são discriminados por estudarem em escola pública, se sentem valorizados. O TRT está de parabéns pela iniciativa", afirmou a diretora Maria Ruzavânia da Cruz Araújo.

Av. Carlos Rodrigues da Cruz, s/nº - Capucho - CEP: 49081-015

Centro Administrativo Gov. Augusto Franco - Aracaju/SE

CNPJ 01.445.033/0001-08