As conclusões de um amplo estudo sobre o Poder Judiciário serão discutidas amanhã em evento promovido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Especialistas contratados pelo CNJ vão analisar os dados apurados sobre diversos temas de atuação do Judiciário no Seminário Justiça Pesquisa, nesta quinta-feira, das 9h às 17h30, na sala de treinamento um do Supremo Tribunal Federal (STF).

Os projetos de pesquisa executados foram selecionados no segundo edital da série Justiça Pesquisa, aberto em 2015, sobre temas como audiência de custódia, justiça restaurativa, implantação do Processo Judicial Eletrônico(Pje), entre outros. Apenas instituições sem fins lucrativos participaram da pesquisa. Elas tiveram 12 meses para desenvolver os estudos, que teve o acompanhamento do Departamento de Pesquisas Judiciárias do CNJ.

Os técnicos do CNJ participarão hoje das discussões, junto com os especialistas contratados e os demais participantes do seminário. Todos receberão os sumários executivos dos estudos, por e-mail, e certificados. A versão final dos relatórios, após ser revisada e diagramada, será divulgada no site do CNJ.

Veja a ordem dos painéis:

• Análise quantitativa e qualitativa do impacto da implantação do Processo Judicial Eletrônico (PJe) na produtividade dos Tribunais – Fundação Getúlio Vargas

• Os maiores litigantes nas ações consumeristas na Justiça Estadual: mapeamento e proposições – Associação Brasileira de Jurimetria

• Ações coletivas no Brasil: o processamento, o julgamento e a execução das tutelas coletivas – Sociedade Brasileira de Direito Público

• Audiência de custódia, prisão provisória e medidas cautelares: obstáculos institucionais e ideológicos à efetivação da liberdade como regra – Fórum Brasileiro de Segurança Pública

• Entre práticas retributivas e restaurativas: a Lei Maria da Penha e os avanços e desafios do Poder Judiciário – Universidade Católica de Pernambuco

• Pilotando a Justiça Restaurativa: o papel do Poder Judiciário – Fundação José Arthur Boiteux

Acesse os detalhes do evento.

Fonte: CNJ

Av. Carlos Rodrigues da Cruz, s/nº - Capucho - CEP: 49081-015

Centro Administrativo Gov. Augusto Franco - Aracaju/SE

CNPJ 01.445.033/0001-08