Selo Sou 100% PJe
  • RSS
  • Youtube
  • E-mail
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

O Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região (TRT20) realizou, na tarde da última sexta-feira 8/11, a 26ª edição da Insígnia da Ordem Sergipana do Mérito Trabalhista (OSMT). A solenidade aconteceu no Auditório do TRT20 e teve a presença de integrantes da sociedade civil e personalidades jurídicas de Sergipe e de outros estados.

O evento foi abrilhantado pelo coral 20a Voz, composto por servidores do TRT20. Regido pela maestrina Daniela Faber, o grupo apresentou o Hino Nacional e canções da Música Popular Brasileira, como Céu de Santo Amaro, de Caetanos Veloso; e Vilarejo, de Marisa Monte.

A desembargadora presidente do TRT da 20ª Região, Vilma Leite Machado Amorim, abriu a solenidade e ressaltou a importância da entrega das Insígnias, que homenageia pessoas e instituições que se destacam em suas atividades e profissões, servindo de exemplo para a sociedade.

“É um momento muito especial, um momento de festa, porque o TRT20 dá uma pausa em suas atividades para homenagear pessoas que os membros da Casa entenderam que deram valiosas contribuições para a sociedade e o TRT. Cada desembargador faz a indicação de duas pessoas, caso deseje fazê-lo; e a entrega da insígnia é uma oportunidade de trazer a público esse reconhecimento”, explicou a desembargadora presidente.

Neste ano, desessete personalidades foram agraciadas com os graus Grã-Cruz, Grande Oficial e Oficial. Uma delas foi a vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Sergipe, Ana Lúcia Dantas Souza Aguiar. “É uma emoção muito grande! Ser homenageada com essa comenda dá a alegria e a responsabilidade de fazer nosso trabalho com ética no meio da advocacia, com respeito aos colegas, com espírito de união. É um reconhecimento de uma longa caminhada, de exercer o direito com dignidade, de lutar pela Justiça do Trabalho. Eu só tenho a agradecer a esta Casa, e ao Dr. Thenisson Dória, que fez a indicação: uma pessoa iluminada, um amigo especial da advocacia; e que nós temos muito orgulho de ser o nosso representante aqui nesta Casa”, salientou a vice-presidente da OAB/SE.

O Juiz Federal Titular da 10ª Vara da Seção Judiciária do Ceará, Alcides Saldanha Lima, também foi um dos homenageados na 26ª edição da entrega da Insígnia da OSMT. Sergipano de nascimento, ele se sentiu honrado em retornar à terra natal para receber a comenda. “Foi um momento de muita satisfação receber a notícia dessa homenagem. É prazeroso ser lembrado na nossa própria terra. É um reconhecimento do meu trabalho, dos serviços prestados; um ato de generosidade do TRT20”, ressaltou o homenageado.

Também receberam a Insígnia profissionais do Direito, empresários, professores e servidores do TRT20, como a diretora-geral, Mônica Oliveira Barreto, que atua no Tribunal desde sua criação, em 1992. Para ela, a homenagem reflete o clima organizacional de respeito e de valorização que a instituição tem com os servidores.

“Neste ano, eu completo 27 anos de Casa. Em todo esse período eu me dediquei realmente ao Tribunal. Estou muito feliz com essa homenagem que o TRT me concede. É um momento de muita emoção, poder estar com minha família, rever colegas de trabalho de vários momentos e fazer uma retrospectiva de minha história profissional. Espero continuar trabalhando com responsabilidade, empenho, zelo e dedicação, pois isso é a essência de tudo a que eu me propus desde o início: ser servidora pública. Enfim, sinto-me muito honrada”, celebrou a diretora-geral.

Outro homenageado foi o empresário João Menezes, que atua na área de eventos e hotelaria em Sergipe. “Essa iniciativa mostra que o TRT está andando cada vez mais unto com a sociedade, e eu me sinto lisonjeado e feliz em receber essa comenda”, afirmou.

INSÍGNIA OSMT 2017

A Conselheira Federal da OAB e Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da OAB/SE, Adélia Pessoa, indicada para receber a comenda em 2017, participou da solenidade deste ano. A agraciada celebrou a homenagem como mais um laço com o Estado de Sergipe.

“Eu cheguei a Sergipe há 45 anos e aqui tive meus filhos e minha profissão. Atuei em várias frentes e hoje estou voltada à luta das mulheres que são discriminadas e violentadas. E este reconhecimento agrada ao nosso coração e nos mostra que a nossa vida não está sendo em vão. Tenho 72 anos e entendo que ainda tenho energia para seguir essa caminhada que não aceita paradas. Seguirei buscando retribuir a Sergipe tudo que ele me proporcionou. Tenho muito a agradecer à desembargadora Graça Melo, que fez o requerimento. Estou honrada e feliz por esse momento”, finalizou.

 Confira a lista dos agraciados com a Insígnia da Ordem Sergipana do Mérito Trabalhista (OSMT) 2019.

 

Fotos: Márcio Garcez